domingo, 19 de janeiro de 2014

Canja


Vou confessar-vos uma coisa: detesto canja. Para mim é sopa de doentes.
Quando era miuda, estava em Viseu, na casa dos meus avos maternos, que tinham uma figueira e uma aveleira. Eu sou doida por figos. E naquele dia estava apetecer tantooooooo. Mas abusei.
Fiquei com tantas dores, tão mal, que tive de ficar a dieta e xarope.
A dieta já adivinharam. Canja. Mas não me fiquei por ali.
Não é que o maldito xarope sabia a morango?!!!
Adivinhem......ataquei o xarope.
Claro...........canjaaaaaaa. Por isso nem com o cheiro eu podia.

Quando me casei, ia jantar algumas vezes aos meus sogros e já sabia quando era dia de canja.
A minha sogra chamava "todos para a mesa menos a Filipa"
Depois quando tive a Beatriz e tive que fazer a dita até me agoniava mas fui suportando e agora faço tranquilamente. Até já me dei ao luxo de provar. Ia vomitando :D

Mas cá por casa gostam muito e por isso quis partilhar com vocês.

Compro miudos de frango no talho com as respectivas patas que o meu marido adora e as gemas.
1 cebola cortada ao meio 
1 dente de alho
1 chávena de massinha
1/2 L de água
coentros q.b. ou folhas de hortelã
sal q.b.

colocar tudo na panela, excepto a massa e deixar ferver 
Bimby-30 Min/Temp.Varoma/Vel. Colher
quando ferver adicionar a massa e baixar o lume
Bimby-colocar o cesto, deitar a massa e programar mais 15 min/Temp.Varoma/Vel. Colher

Bom apetite!!!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...